10/12/2006

7ª parte

um domingo nublado, 5 sacos de brita e 4 de areia, muita força e todos os vasos preenchidos!


todos os vasos


vasos duplos


detalhe

durante a semana foi agilizado o processo de corte das árvores maiores. alguns muitos problemas para esta parte do processo, pois a oficina de desenho industrial não possuía uma tico-tico manual (foi roubada), então tive que pedir emprestado na oficina de arquitetura / design de interiores. o problema maior foi obter um horário disponível tanto na oficina de d.i. quanto na de arquitetura, para poder utilizar a ferramente no espaço da faculdade enquanto que ambos não estavam em horário de aula.

mas correu tudo certo e apesar de termos cortado a primeira árvore em 50 minutos, as demais foram em cerca de 25 minutos o que adiantou o processo ao cortar duas árvores por dia (já que a tarde eu tinha que trabalhar).


tico-tico manual


cuidado!


árvores cortadas e em espera


peba in action


cortando...


sujeirada! mdf solta muito pó!


um jatinho de ar para limpeza


mas o chão continua sujo


as 5 árvores cortadas!

saindo da faculdade comprei uma lata de tinta acrílica para pintar o concreto dos vasos, para dar a impressão de terra ao invés de cimento.


tinta acrílica marrom, latão de 3,6 l

também aproveitei o tempo para mandar produzir um carimbo com o endereço do blog, que seria aplicado atrás das placas de madeira ao lado do logo. foi utilizada uma fonte simples mas com características de stencil por questões estéticas e para "linkar" o texto ao tema do projeto.


carimbo do blog + almofada + tinta extra


amostra
o projeto:

despercepções faz parte do projeto de graduação interdisciplinar do curso de design gráfico no centro universitário belas artes de são paulo. a proposta de intervenção urbana visa um diálogo entre o tema e a proposta gráfica, onde o espaço urbano é o melhor suporte para a aplicação de um projeto de street art no campo de instalações urbanas.

o nome:

o nome despercepções faz uma alusão ao fato das pessoas pouco notarem a vegetação urbana ao seu redor, onde mesmo a preocupação do governo (?) em preservar o meio ambiente não é suficiente para que o cidadão perceba a sua presença e os benefícios que pode proporcionar.

os conceitos:

efêmero, interferente, subversivo, inusitado e invasivo. conceitos ligados aos projetos da street art por natureza, buscando intervir o meio urbano através da expressão artística das ruas, havendo uma relação direta entre ambos onde a arte urbana utiliza a cidade como suporte.

o autor:

linus oura tem 21 anos e atua como designer gráfico. reside na cidade de são paulo e simpatiza com o caos do ambiente urbano que o cerca, servindo de inspiração para seus projetos e viagens.
. contato

street art links:

. artbr
. base-v
. bomit
. stencil revolution
. street stickers
. streetsy
. urban installation
. wooster collective

. choque cultural
. fortes vilaça
. grafiteria

arquivos:

Outubro 2006 Novembro 2006